VSS Unity da Virgin Galactic faz 7º voo planado com sucesso

Depois do trágico acidente que vitimou um dos pilotos em Outubro de 2014, a Virgin Galactic parece estar finalmente a recuperar o ritmo, completando o sétimo voo plano da VSS Unity.

Para além do teste ter sido bem sucedido, foi também o mais rápido de sempre, com a aeronave a ter atingido Mach 0.9 a velocidade máxima que pode atingir sem a ajuda do seu foguete propulsor.

Também em jeito de preparação para esses voos mais ambiciosos, este voo planado já foi feito com carga para simular o peso do foguete que será utilizado nos voos “a sério”; e também com o sistema de protecção térmico que terá que utilizar quando estiver a fazer a reentrada na atmosfera a velocidades supersónicas.

A cada novo voo bem sucedido, dá-se mais um passo no sentido de poder fazer uma viagem até ao limiar do espaço e onde, com mais mais 5 passageiros a acompanhar (para além dos dois pilotos), os passageiros poderão desfrutar de alguns minutos de micro-gravidade e ver a curvatura da Terra com o preto sideral como pano de fundo.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *