Automóvel autónomo Cruise mostra como lida com o “virar à esquerda”

O virar à esquerda em cruzamentos e entroncamentos é das manobras mais complicadas, tanto para humanos como para veículos autónomos, mas é algo que a GM diz que o seu Cruise consegue superar sem problemas.

A manobra de virar à esquerda não só implica enfrentar trânsito a fluir de múltiplas direcções, como também a ter que inferir se os demais veículos têm intenções de ceder passagem – ou se vão fazer os possíveis por dificultar a vida ao carro autónomo. A GM diz que os seus Cruise completaram 1.400 viragens à esquerda num período de 24 horas, todas de forma completamente autónoma e sem qualquer incidente.

Infelizmente, no vídeo vemos apenas alguns poucos exemplos – embora a GM diga ter vídeos da totalidade das 1.400 manobras (que bem poderia divulgar, para os curiosos poderem espreitar) – e que não incluem situações mais complicadas, com pessoas e ciclistas a meterem-se lá pelo meio. Ainda assim, é sempre interessante ver como andam os carros autónomos, e neste caso vemos um carro que por vezes parece ser bastante cauteloso, mas noutras situações parece não hesitar em “pisar o acelerador” para fazer a manobra rapidamente.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *