Ferrari SF90 Stradale chega com 1000cv e 340km/h

Há um novo Ferrari que nos faz ter vontade de pendurar um poster no quarto: o Ferrari SF90 Stradale, que ainda conta com motor de combustão mas complementa-o com três motores eléctricos para um desempenho fora-de-série.

Embora se aguarde com muita expectativa um inevitável Ferrari 100% eléctrico, por agora a marca prefere não angustiar os fãs que ainda associam o barulho dos escapes aos super-carros de Maranello. No caso deste Ferrari SF90 Stradale isso traduz-se por um motor V8 4.0l que fornece a maior parte da potência (780cv), assistido por três motores eléctricos (um ligado directamente à transmissão, os outros dois nas rodas frontais, dando-lhe tracção às quatro rodas). O resultado é uma aceleração dos 0 aos 100km/h em apenas 2,5 segundos.

É possível conduzir este Ferrari em modo puramente eléctrico (imagino que, para poder entrar em zonas citadinas sem emissões – ou para sair, ou chegar, a casa sem que ninguém dê por isso) embora com uma autonomia para apenas 25 km. E no interior, temos o recurso a um volante simplificado mas mais versátil, que recorre a superfícies sensíveis ao toque; assim como um generoso ecrã curvo no lugar do painel de instrumentos e um novo HUD que se ajusta em função do modo de condução escolhido.

Vamos lá ver se, com a prometida chegada do Tesla Roadster em 2020, a Ferrari se sentirá tentada a lançar um hiper-carro que se liberte do motor de combustão e todo o peso histórico que isso representa.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *