Antena Starlink em automóvel dá multa

Apesar de Elon Musk ter dito que o serviço Starlink não era adequado para automóveis devido às dimensões da antena, isso não impediu um norte-americano de a colocar no seu automóvel, valendo-lhe uma multa.

Por muito positivo que pudesse ser ter toda a frota da Tesla ligada em qualquer parte do mundo à internet através do serviço Starlink, a dimensão da sua antena parabólica faz com que tal não seja ainda possível (pelo menos por agora), com o próprio Elon Musk a ter dito que essa mesma dimensão a torna adequada apenas para veículos de maiores dimensões, como camiões, auto-caravanas, etc. No entanto, nem sempre se pode assumir a existência de bom senso, e foi precisamente isso que deu origem a este insólito caso.

Um polícia de trânsito na Califórnia deparou-se com um automóvel a circular com uma antena Starlink instalada no capot (e não, não era um Tesla, era um Toyota Prius).

Não se percebe (e talvez seja melhor nem tentar perceber) porque motivo o indivíduo não optou por instalar a antena no tejadilho, ou na parte traseira do carro; mas pelo menos teve a sinceridade de responder ao polícia honestamente quando lhe foi perguntado se ter tal antena na frente do carro não obstruía o seu campo de visão enquanto conduzia, dizendo que “só quando viro para a direita”!

Talvez um dia se venha a ter antenas Starlink planas que possam ser instaladas nos automóveis (embora, como já se tenha dito repetidamente, o objectivo da rede Starlink não é substituir as redes móveis terrestres, e teria bastante dificuldade em lidar com milhões de clientes concentrados numa cidade) – nem que seja para efeitos de enviar informação de emergência em caso de acidentes.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *