Encontro Mazda MX-5 em Modena estabelece novo record do Guiness

Reunindo um total de 707 exemplares e realizado no passado dia 18 de Setemrbo, no Autódromo di Modena, o “Il Raduno dei Record MX-5” (“Encontro dos Recordes MX-5”) levou a que se estabelecesse um novo recorde do Guiness para a que foi a maior concentração de automóveis Mazda do planeta.

O feito bate o anterior recorde de há quase uma década – foi em 2013, nos Países Baixos – encontro em que marcaram presença 683 unidades do modelo.

Reunindo, agora, exemplares de todas as quatro gerações do icónico MX-5, o grupo de viaturas deu uma volta completa ao famoso circuito sob o olhar atento do juiz-controlador oficial adjudicado ao evento, num recorde que seria oficializado pelas 18h00 locais, para delícia de milhares de fãs do MX-5, em Itália como do resto do mundo. Esta acção única permitiu à equipa da Mazda Itália reescrever um capítulo importante na história do roadster mais vendido do planeta.

Durante o evento em que se alcançou este novo recorde, o público presente teve oportunidade de participar em muitas outras actividades organizadas pela Mazda, com destaque para a apresentação “O Prazer de Condução Nunca Morre”, em que estiveram presentes o engenheiro japonês Nobuhiro Yamamoto, Gestor dos Programas da 3ª e 4ª gerações do Mazda MX-5, de Elisa Artioli, entusiasta do modelo e neta de Romano Artioli, antigo patrono da Lotus, e também de Andrea Levy, Presidente do MI.Mo Milano Monza Motor Show. Os oradores apresentaram histórias diferentes para explicar o que despoletou a sua paixão pelo MX-5 e pelo prazer de condução amplamente reconhecido na Mazda como Jinba Ittai, simbolizando a ligação intuitiva entre um automóvel Mazda e o seu condutor.

Noutra apresentação, sob o título de “Mazda MX-5 – Histórias de um Ícone”, a Nobuhiro Yamamoto juntaram-se Andrea Mancini, proprietário do complexo Miataland, resort de luxo localizado nas colinas de Umbria, onde guarda a sua colecção pessoal de exemplares MX-5, e David Giudici, Director dos títulos italianos “Ruoteclassiche”, “Youngtimer” e “AutoItaliana”, entre outros oradores convidados, os quais partilharam a sua paixão pelo MX-5, histórias contadas por quem o desenhou, quem o possui, dos que o coleccionam e, também, dos que conduzem um Mazda MX-5 no seu quotidiano.

Há viaturas que perduram ao longo de décadas, evoluindo de geração em geração, mantendo-se sempre fiéis a si mesmas, à sua essência. É este o caso do Mazda MX-5, ícone intemporal e expressão por excelência do prazer de condução Jinba Ittai e que se mantém, sem surpresa, como o roadster mais vendido de sempre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *