NASA recupera comunicações com Voyager 2

A NASA conseguiu recuperar as comunicações com a Voyager 2 após um comando errado ter causado o desalinhamento da antena e interrompido as comunicações com a sonda.

Em Julho, a NASA enviou um comando errado para a Voyager 2, que permanece (parcialmente) funcional no espaço apesar de ter sido lançada em 1977, que causou o incorrecto alinhamento da antena e levou à perda de comunicações.

O caso foi embaraço e seria potencialmente catastrófico, mas felizmente havia algumas medidas de segurança que fariam com que a Voyager 2 se reorientasse automaticamente em Outubro no caso de não receber comunicações até lá. Mas não foi preciso esperar até lá, já que a táctica da NASA de “bombardear” aquela zona do espaço com transmissões de alta-potência, com a esperança de que a Voyager, mesmo fora do alinhamento, as conseguisse captar, funcionou – conseguindo enviar o comando correcto e recuperar as comunicações na totalidade.

As sondas Voyager 1 e Voyager 2 são os objectos criados pelo Homem que estão mais distantes da Terra, já tendo saído do sistema solar e da heliosfera e encontrando-se no espaço interestelar (desde 2012 e 2018, respectivamente). A Voyager 2 é a única sonda a ter passado por Neptuno e Urano. Apesar de terem aguentado durante décadas, é esperado que nos próximos anos deixem de ter energia suficiente para comunicar, continuando a sua viagem silenciosamente rumo ao desconhecido.

Publicado originalmente no AadM

Um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *