BYD põe fim ao reinado da VW na China

A BYD tornou-se na marca mais vendida na China em 2023, pondo um fim à liderança que a VW detinha há quase duas décadas.

Desde pelo menos 2008 que a VW era a marca de automóveis mais vendida na China, mas a transição para os eléctricos parece ter sido a oportunidade perfeita para os fabricantes chineses. Tendo obtido vitórias a cada trimestre, os dados revelam agora que a BYD foi a marca mais vendida na China em todo o ano de 2023.

A BYD terá vendido 2.57 milhões de veículos (dos quais 1.6 milhões foram veículos 100% eléctricos), representando 11% das vendas totais; com a VW a ficar-se pelos 2.3 milhões de unidades e 10.27%. Números que deverão distanciar-se em 2024 – até porque os modelos da VW parecem ter dificuldade crescente em cativar o mercado chinês. Em sentido oposto, estas marcas chinesas vão entrando com cada vez mais força no mercado europeu – ao ponto da UE já contemplar a aplicação de tarifas adicionais.

Resultados que também contribuirão para a “crise” que se avizinha no sector automóvel europeu, onde se esperam muitos milhares de despedimentos ao longo dos próximos anos, não só nos principais fabricantes mas em toda a numerosa rede de fornecedores de componentes e acessórios que é essencial para a sua produção.

Publicado originalmente no AadM

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *