Tesla acelera produção dos Cybertruck

Os Cybertruck começam a surgir em quantidade no parque da Gigafactory, e a Tesla até lançou um programa para acelerar as entregas.

Embora tenha começado a “conta-gotas”, a Tesla parece finalmente estar a atingir numa fase de produção mais numerosa dos Cybertruck (tal como seria esperado). O parque da Gigafactory Texas já acumulava mais de 100 Cybertrucks, o que embora seja um número extremamente reduzido, revela que já se passou a fase de produzir poucas unidades.

Têm também surgido dúvidas quanto à real receptividade do Cybertruck. Embora tecnicamente a Tesla tenha tido mais de milhões de pré-encomendas, há a grande questão de que tal foi feito com uma reserva reembolsável de apenas $100, faltando saber quantas dessas pessoas efectivamente avançarão para uma compra, e quantas irão desistir tendo em conta o preço substancialmente mais elevado do que o prometido. Essas dúvidas têm aumentado por causa de um programa de “aceleração da data de entrega” que a Tesla lançou por tempo limitado, em que os beneficiários ficam com a garantia de receber o seu Cybertruck num prazo de 30 dias; e de alguns novos compradores estarem a receber a indicação de que receberão os seus carros em Agosto – o que seria impossível se a Tesla tivesse “1 milhão” de encomendas pendentes, e neste primeiro ano devendo produzir apenas cerca de 100 mil Cybertrucks.

Há sempre a possibilidade de muitas das encomendas serem para os modelos mais económicos que apenas iniciarão a produção mais tarde – por agora a Tesla está a produzir a variante Cyberbeast tri-motor topo de gama – e de muitas outras serem de países que ainda não têm o Cybertruck disponível. E, falando-se disso, continua também sem haver ainda data anunciada para a chegada do Cybertruck à Europa.

Publicado originalmente no AadM

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *