Carro sem condutor do Google já se sente à vontade dentro das cidades

 

Bem a propósito dos carros do Google Street View que se preparam para invadir as estradas de Portugal nos próximos dias; o Google resolver partilhar publicamente mais algumas das técnicas utilizadas nos seus carros sem condutor para que eles consigam conduzir no meio das movimentadas cidades onde nem sempre todos se comportam como deveriam.

GoogleSelfDrive_01

Se conduzir autonomamente em auto-estrada é algo que já pode ser feito de forma razoavelmente simples, a condução em cidade é uma tarefa bem mais complicada. O carro do Google tem aprendido a lidar com todo o tipo de situações, e agora até consegue fazer coisas como detectar um ciclista a sinalizar que quer virar à esquerda estendendo o braço.

O vídeo que se segue mostra-nos como o carro do Google vê o mundo, com outros veículos, peões, velocípedes, sinais de trânsito e centenas de outros objectos que é capaz de reconhecer em simultâneo – coisa que é capaz de fazer de forma contínua, centenas de vezes por segundo, sem nunca se cansar ou distrair – e que mostram a evolução que tem havido desde que o Google se aventurou nestas coisas dos carros sem condutor.

Os carros sem condutor do Google já rodaram mais de um milhão de quilómetros sem assistência de um condutor, e a cada novo quilómetro a equipa está confiante de que estamos mais próximos desta tecnologia chegar às mãos do público. A mim, o que mais me desperta a curiosidade não é saber como o carro lida com as centenas de situações para que foi programado… mas sim com “aquela” para a qual não foi. Mas sendo um apaixonado por estas coisas do processamento de imagem, é impossível não ficar espantado com o que o este automóvel robot é capaz de fazer por si só.

 

[youtube http://youtu.be/dk3oc1Hr62g]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *