Pedalar 2500 km para apoiar boas causas

O projecto Pedalar Solidário está quase a arrancar. É já no próximo dia 26 de Julho que o ciclista Rui Silva parte da Áustria com destino a Portugal, tendo como objectivo a angariação de fundos e divulgação das causas do Tiago e do Vítor, uma criança e um jovem cujas doenças os impede de terem uma vida com qualidade.

PedalarSolidario_01

Por ser um apaixonado pelo ciclismo e praticante das duras maratonas de BTT, Rui Silva organizou o projecto Pedalar Solidário de forma a obter verbas que ajudem o Tiago e o Vítor a terem acesso a melhores cuidados médicos e assim alcançarem algum conforto. “Tudo começou há 5 meses quando encontrei a página de Facebook do Tiago onde os pais desta criança com paralisia cerebral contavam a luta constante que tinham que travar para arranjar ajuda para os dispendiosos tratamentos do Tiago. Fiquei muito sensibilizado com esta causa pois trata-se de uma criança de sete anos que precisa de cuidados constantes. Depois tive também conhecimento do problema de saúde do Vítor, que tem uma doença rara que lhe provoca tumores, e o seu pedido de ajuda também me tocou. Foi nessa altura que decidi organizar o Pedalar Solidário e juntar a minha paixão pelo ciclismo à solidariedade. Assim, propus-me cumprir o objectivo de pedalar ao longo de 2500 km para juntar dinheiro para ajudar o Tiago e o Vítor e, ao mesmo tempo, dar o máximo de visibilidade a ambos para que mais pessoas possam contribuir” refere o mentor do projecto Rui Silva.

PedalarSolidario_02

Para cumprir o seu objectivo, o ciclista ribatejano conta já com a cooperação de diversas marcas que vão doar materiais que serão leiloados e todo o dinheiro conseguido reverte inteiramente para as causas do Tiago e do Vítor. Para além destes contributos, o Pedalar Solidário terá também a colaboração da organização da ultramaratona de BTT Brasil Ride e da Powerade ION4 Madrid-Lisboa que vão contribuir com a doação de inscrições nas respetivas competições as quais serão também leiloadas. Dentro da mesma linha a Youthstream, empresa que organiza o mundial de motocross, vai dar ingressos para um dos maiores eventos mundiais da modalidade o FIM Motocross das Nações.

O ciclista parte no dia 26 de Julho da localidade de Matthigofen na Áustria e tem como data prevista de chegada à sua “terra natal” Glória do Ribatejo 18 dia depois, a 12 de Agosto.

Siga no Facebook o Pedalar Solidário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *