Tesla mostra condução autónoma com o HW 3.0 do Autopilot

A Tesla explicou como criou o seu próprio computador “Full Self Driving” (FSD) para condução completamente autónoma, e também mostrou o que é que isso representa na prática, com uma nova sessão de condução sem tocar no volante.

Depois de ficarmos a saber que o seu novo computador FSD é imensamente mais potente que a geração anterior, faltava saber o que é que isso representaria em termos práticos. Felizmente, temos também um vídeo a mostrar uma viagem em modo completamente autónomo, que após a actualização do computador nos Tesla actuais (nos que ainda não o tiverem) ficará ao alcance dos clientes que tiverem pago pela opção de condução autónoma total.

O vídeo mostra-nos o Autopilot a lidar sem problemas com estradas locais e vias rápidas, cruzamentos, semáforos, etc. Tudo com surpreendente naturalidade e fluidez (mesmo se aparentemente isso a certa altura implica fazer ultrapassagens pela direita – sendo que também nos EUA parece haver o síndroma de haver quem insiste em conduzir pela via central).

É verdadeiramente impressionante quando se tem em conta que isto está a ser feito sem recurso a um LIDAR ou a mapas “especiais” de GPS, e que teoricamente seria capaz de o fazer em qualquer estrada. Vai ser interessante ver que tal isto funciona nas estradas portuguesas. 🙂

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *