Bugs na cápsula Starliner da Boeing iam provocar colisão no espaço

Os problemas da Boeing parecem não se limitar aos seus aviões em terra, mas também afectar a sua cápsula espacial Starliner, tendo sido descobertos problemas que levantam sérias dúvidas quanto à sua segurança.

O último lançamento da cápsula Starliner revelou um problema em que a cápsula ficou mal sincronizada com o evento de lançamento, baralhando as temporizações da duração do disparo dos foguetes e fazendo com que ficasse sem combustível antes de realizar as manobras pretendidas para chegar à órbita de destino. Mas os problemas não se ficaram por aí.

Embora esse problema não tenha resultado numa falha catastrófica e tenha permitido o regresso da cápsula à Terra (sem ter concretizado o seu objectivo), foram descobertos problemas adicionais que poderiam ter causado um cenário bastante mais preocupante. Foi descoberta uma falha adicional no software que iria fazer com que, no momento da separação do módulo de serviço e da cápsula, em vez dos dois se distanciarem, iriam colidir!

Este cenário por si só seria já suficientemente grave e faz levantar sérias preocupações com o desenvolvimento do projecto – não esquecer que se trata de uma cápsula que se destina a levar tripulação humana – mas que é complementada por ainda mais problemas. Um terceiro problema foi detectado, que impediu a comunicação com a cápsula momentos após o lançamento, e cujas causas ainda estão por determinar, suspeitando-se que tenha sido a fraca resistência a potenciais interferências externas.

… Definitivamente, parece que a Boeing não consegue “acertar uma”…

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *