Biliões de planetas perdidos podem estar a atravessar a nossa galáxia

Há astrónomos que pensam que os planetas perdidos, que atravessam o espaço ejectados dos seus sistemas solares, podem ser bastante mais numerosos do que se imagina – e esperam que um novo telescópio espacial que será lançado em 2025 possa demonstrá-lo.

Os astrónomos já detectaram vários destes “rogue planets” nas últimas décadas, mas essa é uma tarefa que se revela ainda mais difícil do que detectar planetas a orbitarem estrelas distantes. A táctica utilizada tem sido a de detectar o efeito de lente que a gravidade destes planetas poderá gerar ao passar em frente a estrelas, mas para isso torna-se necessário manter uma observação permanente sobre uma mesma área do céu.

É algo que se espera que possa ser feito a partir de 2025 com o lançamento do Nancy Grace Roman Space Telescope da NASA, com o qual os astrónomos esperam conseguir demonstrar que estes estranhos planetas errantes poderão ser bastante mais comuns e numerosos do que se pensavam, podendo atingir o número de biliões de planetas só na Via Láctea.

Será bastante revelador se se vier a confirmar que efectivamente existem planetas perdidos a passear pela nossa galáxia nesta ordem de grandeza; revelador e também um pouco assustador, relembrando-nos do triste destino que terão longe das estrelas que em tempo orbitaram.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *