Sonda Philae conseguiu obter resultados apesar de ter falhado

A malograda sonda Philae da missão Rosetta não se conseguiu prender devidamente a um cometa, mas ainda assim os cientistas conseguiram dados importantes através dos seus ressaltos.

Ao contrário da mais recente OSIRIS-REx que superou todas as expectativas ao recolher mais material do que seria suposto de um asteróide, a sonda Philae não conseguiu segurar-se ao cometa que ia investigar, tendo acabado por andar a saltitar pela superfície e a ficar num local que impedia a captação de luz solar para recarregar as suas baterias. Depois de algum trabalho de detective para determinar onde estava, e algumas comunicações ocasionais, as agências abandonaram as tentativas de contacto no início de 2016.

Agora, anos mais tarde, os cientistas revelam que mesmo aos “trambolhões” a sonda conseguiu ainda assim recolher alguns dados valiosos; ou melhor dizendo, as marcas que foi fazendo na superfície do cometa, e que ajudaram a perceber melhor a sua composição (gelo) e densidade.

Dados que serão imprescindíveis para o planeamento de futuras missões a cometas, que possam vir a ter um desfecho mais positivo.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *