Estrada luminosa na Holanda não está a ter bons resultados

 

A ideia de usar tinta fosforescente nas estradas é algo que parecia uma boa ideia e foi posta em prática num troço de um estrada holandesa no mês passado. Infelizmente, a experiência parece não estar a correr bem.

sustainable_highway_2

Para além de alguns condutores estarem a desligar as luzes durante a noite, para poderem apreciar o efeito, colocando-se a si próprio e aos outros condutores em risco; o pior problema era aquele que alguns já poderiam temer/suspeitar: o da sua durabilidade em condições reais. Ao que parece a tinta utilizada para este efeito é afectada adversamente pela humidade, e depois de alguns dias de chuvas intensas houve secções que perderam o brilho enquanto outras começaram a ter enormes variações da sua luminosidade.

É pena que este primeiro teste tenha sido um falhanço, mas o objectivo da experiência era mesmo esse: o de descobrir o que poderia falhar para ser corrigido para a próxima fase de testes que deverá ter lugar durante este Verão. (Mesmo assim, acho que seria óbvio que esta tinta teria que resistir a doses “industriais” de chuva… pelo que não percebo porque motivo não tiveram isso em consideração logo desde o início… Mas pronto, eles que resolvam isso que nós queremos estradas que brilhem no escuro o mais rapidamente possível. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *