Nave espacial a micro-ondas da Escape Dynamics

O espaço é, como uma célebre série dizia, a última fronteira, mas infelizmente o simples acto de nos elevarmos umas centenas de quilómetros para lá chegarmos continua a ser um grande problema. Agora há uma empresa que o quer fazer de forma diferente, recorrendo a energia wireless via micro-ondas.

EscapeDynamics_01

Escapar da gravidade terrestre não é fácil, e ainda por cima temos um problema complicado para resolver: cada quilograma de peso a mais torna mais custoso chegar a órbita, mas para termos potência suficiente para o fazermos é necessário carregarem-se toneladas de combustível, aumentando o peso, e obrigando a que se precise de ainda mais potência.

E que tal se, em vez de se carregar o combustível a bordo, o pudéssemos enviar “sem fios”?

A ideia não é nova, havendo projectos que já exploravam a hipótese de usar lasers para elevar naves sem propulsão própria; mas esta proposta da Escape Dynamics aposta nas micro-ondas.

EscapeDynamics_02

Usando um sistema de propulsão electromagnético, esta transmissão de energia do solo permitirá – teoricamente – colocar cargas em órbita sem necessidade de haver componentes ejectáveis, e portanto com custo bastante mais reduzido.

Ainda haverá muito trabalho pela frente, mas a empresa está confiante que estará apta a colocar cargas de 1000Kg em órbita em 2025 – e nós esperamos que o consigam, facilitando o acesso a essa “fronteira final”.

 

https://youtu.be/8OSEIVb3dg4

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *