NASA não tem o equipamento para comunicar com satélite redescoberto

A história do satélite descoberto que a NASA pensava ter perdido há mais de uma década poderá não ter, afinal, um final feliz, e não por culpa do satélite.

Embora a NASA já tenha confirmado de que se trata efectivamente do satélite IMAGE que tinha deixado de comunicar em 2005 – e que aparentemente está novamente activo e completamente funcional – o problema que agora se coloca é que todo o hardware e software de comunicação com este satélite há muito que foi desmantelado e também foi perdido. Ou seja, a NASA não tem forma de comunicar com o satélite neste momento, tanto a nível de lhe enviar comandos como interpretar os dados que estão a ser recebidos.

Para o fazer, será necessário fazer um autêntico “reverse-engineering” das comunicações do satélite, procurando também encontrar toda a informação que ainda possa ser salva, dos arquivos ou dos engenheiros que trabalharam na missão (e que muita vezes guardam essas “relíquias”).

Embora seja certo que 12 anos é muito tempo, há que ter em conta que a própria NASA tinha previsto a possibilidade de um eclipse ou outro evento poder provocar um reset ao satélite e deixá-lo novamente operacional. No mínimo, teria sido prudente deixar facilmente acessível a informação relevante necessária para retomar as operações com o mesmo.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *