NASA vai tentar desencravar sonda em Marte com braço robot

A sonda térmica da InSight em Marte tem estado encravada desde o final de Fevereiro, mas a NASA vai agora tentar uma manobra arriscada, usando um braço robótico para a tentar desencravar.

A sonda de temperatura tinha como objectivo perfurar o solo marciano até 5 metros de profundidade, mas as expectativas foram frustradas, com a sonda a ficar encravada logo aos 35cm de profundidade – e assim tem permanecido há cerca de 9 meses. O tipo de solo – que não era o esperado – está a complicar a vida aos cientistas da NASA, que agora vão tentar tácticas mais radicais.

Suspeitando que o problema possa estar relacionado com “falta de tracção”, a NASA vai usar o braço robótico da InSight para empurrar a sonda contra um dos lados do buraco, esperando que a pressão adicional lhe dê a ajuda suficiente para conseguir voltar a penetrar no solo. No entanto, a equipa está consciente que o braço robótico não foi concebido para este tipo de actividade, e terá que fazer pressão para além daquilo que seria suposto fazer.

A sonda usa um mecanismo similar a um martelo pneumático, e se não tiver fricção suficiente do solo em seu redor no próprio furo que está a escavar, começa a “saltar” sem aprofundar o buraco. Durante os últimos meses já tentaram usar o braço para “compactar” a terra em redor da sonda, mas o braço não consegue fazer a pressão necessária para ter o efeito desejado.

Se a nova táctica do braço falhar, a outra hipótese que está a ser contemplada é a de usar o braço robot para tentar preencher o furo com mais terra. Vamos esperar que de uma forma ou de outra, a sonda lá consiga seguir o seu caminho até à profundidade pretendida.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *