SEAT transforma o seu Centro de Desenvolvimento de Protótipos e aposta na impressão 3D

A SEAT transformou recentemente o seu Centro de Desenvolvimento de Protótipos (CDP), localizado no coração da fábrica da SEAT em Martorell, construindo um novo edifício de 3.000 m2 na Oficina 3, unificando assim, numa única área, todos os processos e actividades anteriores à produção em série de um novo modelo.

Este espaço possui aplicações de realidade virtual nas novas instalações da fábrica e uma grande área destinada a projectos de fabrico de aditivos no novo 3D Printing Lab, que se destaca pela presença de impressoras com tecnologia de ponta, com as quais são impressas as peças de última geração para o desenvolvimento de protótipos e modelos de pré-série, com vista a futuros lançamentos.

O novo edifício inclui ainda a sala de Design for Manufacturing, onde diferentes áreas da empresa, como I&D, Qualidade, Processos e Fabrico trabalham em conjunto com os mais de 250 profissionais do Centro de Desenvolvimento de Protótipos para analisar e melhorar o produto em fases iniciais de conceptualização. Esta colaboração é fundamental para reduzir e melhorar os tempos de lançamento de futuros veículos e promover a eficiência nos processos e a gestão de recursos. Para isso, são implementadas novas tecnologias como a realidade virtual, simulando os processos de produção em série, a impressão 3D e outras tecnologias da indústria 4.0.

Desde a sua inauguração em 2007, o CDP tornou-se o elo de ligação entre os departamentos de I&D e de Produção da empresa; um lugar onde a virtualidade se torna realidade. Ao longo dos seus
treze anos de existência, o espaço desenvolveu um total de 13 “concept-cars”, o IBE (2010), o Cupster (2014), o Leon Cross Sport (2015) ou o CUPRA Ateca (2018), entre outros. Além disso, e até ao momento, trabalhou com 5.235 pré-série, 2.472 protótipos de teste e 224 modelos técnicos.

Graças à recente transformação, cujo investimento está incluído no plano de investimentos de 5.000 milhões de euros recentemente anunciado pela empresa, o CDP conta agora com instalações modernas de 18.000 m2 de superfície no centro da fábrica de Martorell. Neles, 250 engenheiros e técnicos especializados já trabalham no desenvolvimento de novos modelos, com atenção especial para a área de electrificação, um dos principais pilares da empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *