Alrendo TS Bravo alicia consumidores europeus com moto eléctrica de 10 mil euros

Há uma nova marca de motos eléctricas europeia, e que promete colocar o seu model TS Bravo no mercado a um preço inferior a 10 mil euros.

A Alrendo foi criada por um grupo de entusiastas de automóveis e motos, mas que em vez de se aventurar em veículos apenas ao alcance de uns poucos endinheirados, optou por criar modelos mais adequados às circunstâncias reais e, graças a isso, com preço bastante mais acessível. Com a maioria das motos eléctricas a ir para cima dos 20 mil euros, a Alrendo promete a sua TS Bravo por apenas 9.995 euros.

E não se pense que por este preço temos que suportar uma moto eléctrica “feia”…

A TS Bravo tem um design naked bastante bem conseguido, embora o mostrador – um generoso ecrã de 7″ – pareça lá ter sido colocado à pressa sem grande preocupação com a integração com o resto do conjunto.

Esta moto tem uma velocidade máxima anunciada de 135 km/h, equipada com um motor de 11 kW com arrefecimento líquido (58 kW de pico) e uma bateria de 16.6 kWh, e consegue uma autonomia bastante interessante de 419 km a uma velocidade citadina de 50 km/h – que se reduz para os 250 km a 80 km/h e para os 150 km a 120 km/h. Conta ainda com carregador de 3.8 kW integrado, que pode recarregar a sua bateria a 100% em 4 horas usando uma tomada eléctrica comum. O motor fica posicionado em posição tradicional, com transmissão para a roda por correia.

A TS-Bravo está disponível para reserva por um valor de €300, seguindo-se 65% do valor total em Março, e com promessa da entrega da moto em Maio de 2021. Se cumprirem com o prometido, parece-me uma excelente combinação para uma moto para o dia a dia (para referência, uma Honda NC750S a combustão, com potência de 40.3 kW, vai para perto dos 8 mil euros, tendo um binário máximo de 68 Nm face aos 117.6Nm desta Alrendo).

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *