Espanhol de 87 anos adere à mobilidade eléctrica com um Ford Mach-E

Após uma vida inteira a conduzir veículos movidos a gasolina, Pedro García, um cliente espanhol de 87 anos de idade, é a prova de que nunca é tarde demais para abraçar o futuro, numa altura em que faz a transição para a propulsão eléctrica com o seu automóvel de eleição, o 100% eléctrico Mustang Mach-E.

Ao longo dos anos, Pedro García foi proprietário de inúmeros automóveis Ford, desenvolvendo uma relação de proximidade com a equipa da Auto Christian, o seu concessionário local, em Denia, na região espanhola de Alicante. Esta certificou-se que ele fosse um dos primeiros a poder ver um Mustang Mach-E e, ao ser conquistado pelo seu estilo, certificaram-se, igualmente, de que seria também ele um dos primeiros clientes do Mustang Mach-E. Desde então, têm estado presentes em todas as etapas do caminho, ajudando Pedro García a aprender e a adaptar-se ao seu novo automóvel, ainda que não tenha precisado de muita ajuda.

Embora algumas pessoas possam pensar que fazer a transição para um veículo eléctrico de elevado teor tecnológico possa ser difícil na sua idade, Miguel Estrela, Comercial da Auto Christian, destaca como Pedro García dominou bem o Mach-E. Ele conhece pessoas mais jovens que ainda consideram a ideia de mudar para um veículo eléctrico como algo assustador, mas, como demonstra, mesmo com uma vida inteira de hábitos a gasolina atrás de si, fazer essa transição é mais fácil do que eles imaginam.

O carregamento, em particular, é algo a que Pedro García rapidamente se adaptou. Com uma wallbox instalada em sua casa, basta-lhe apenas ligar o cabo de carregamento à noite, acordando com um veículo totalmente carregado pela manhã. A tranquilidade e facilidade de utilização que o Mustang Mach-E oferece – particularmente com a funcionalidade de condução com um pedal – permitiu-lhe viajar até lugares onde não ia há 50 anos, apenas e só porque agora pode fazê-lo. E a melhor parte, de acordo com Pedro García? O facto de já não ter de parar nas estações de serviço ou até mesmo para recarregar a bateria, graças à autonomia do Mustang Mach-E.

As pessoas receiam muitas vezes a mudança, mas Pedro García mostra que, mesmo na sua idade, a adaptação ao futuro pode ser mais fácil e mais agradável do que o esperado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *