Condutor apanhado com sistema que tapava matrícula

Nos EUA um condutor terá levado a sua paixão pelos filmes de James Bond longe demais, instalando um sistema que permitia tapar a matrícula de modo a não pagar portagens.

Nos tempos em que os filmes do James Bond ainda davam protagonismo aos gadgets (tradição que infelizmente se perdeu nos filmes mais recentes da saga), era impossível não ficar fascinado com as capacidades dos seus automóveis, sendo que um dos quais tinham precisamente uma matrícula rotativa.

Neste caso, o sistema não chega ao ponto de usar uma matrícula falsa, limitando-se a ser uma espécie de cortina que baixava para tapar a matrícula sempre que passava por uma portagem. Infelizmente, numa das vezes que activou o engenhoso sistema, tinha um carro patrulha atrás de si… que assim o apanhou em flagrante.

… Mesmo não querendo dar ideias, acho que haveria soluções mais robustas e discretas para conseguir este objectivo. Tal como utilizar um painel do estilo dos que são utilizados nas máscaras de soldadura, que se mantivesse transparente mas que pudesse ficar quase totalmente opaco numa fracção de segundo sempre que fosse necessário.

Nota: não estou a recomendar que o façam… isto é coisa para os filmes, não para utilizar na vida real.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *