Fabricantes de motos chegam a acordo para padronizar baterias de motos eléctricas

O Consórcio para a Substituição de Baterias de Motos Eléctricas (Consórcio) chegou a um acordo para padronizar as baterias substituíveis e respectivos sistemas de substituição, permitindo a partilha de baterias e abrindo caminho para uma maior utilização de motos eléctricas no Japão.

Este Consórcio foi estabelecido pela Honda Motor Co., Ltd., pela Kawasaki Heavy Industries, Ltd., pela Suzuki Motor Corporation e pela Yamaha Motor Co., Ltd. em Abril de 2019, com o objectivo de aumentar a utilização das motos eléctricas no Japão. Desde a sua criação, este Consórcio tem vindo a formular os padrões para a troca de baterias de utilização em diversos modelos de marcas diferentes e respectivos sistemas de substituição, na tentativa de encontrar uma solução para os problemas que impedem a adopção generalizada de motos eléctricas como solução de mobilidade mais ecológica e conveniente – a autonomia e a redução dos tempos de carga.

A fim de estabelecer a conveniência e eficácia da troca de baterias entre modelos de diversas marcas, o Consórcio tem vindo a cooperar desde o ano passado com os testes de campo “e-Yan OSAKA” realizados pelo Subcomité para a Promoção de Motos Eléctricas da Associação dos Fabricantes de Automóveis do Japão, em colaboração com a Prefeitura de Osaka e a corporação universitária nacional da Universidade de Osaka; o objectivo é tornar popular e aumentar a utilização de motos eléctricas mais amigas do ambiente.

Partes das especificações comuns acordadas estão em conformidade com o documento técnico TP21003 da Sociedade de Engenheiros do Ramo Automóvel do Japão (JASO – Society of Automotive Engineers of Japan, Inc. Organization) emitido a 19 de Março. O Consórcio fará diversas verificações técnicas e padronização para a troca de baterias de utilização em diversos modelos de várias marcas, tendo por base essas especificações comuns. Com o aumento da procura mundial pela mobilidade eléctrica e com vista à eliminação das emissões de carbono nas nossas vidas, este Consórcio vai trabalhar em conjunto com a Associação de Fabricantes de Automóveis do Japão para conseguir esta utilização mútua internacional (padronização internacional).

À medida que a consciência ambiental aumenta globalmente, o Consórcio acredita na consideração e promoção conjunta em toda a indústria de motos, para conseguir um ambiente que seja favorável à adopção generalizada na indústria de motos, sendo uma aspecto vital para que as motos continuem a ser a mobilidade preferida dos clientes, contribuindo também para conseguir uma sociedade neutra em carbono.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *