Kia e Uber anunciam parceria para a mobilidade eléctrica na Europa

A Kia Europe e a Uber anunciaram uma parceria na mobilidade eléctrica, que irá acelerar a adopção de veículos eléctricos a bateria de zero emissões em toda a Europa, tornando as zonas urbanas mais limpas e silenciosas.

No âmbito desta parceria, a Kia disponibilizará automóveis da sua gama de BEV de alta tecnologia (incluindo o e-Niro e o e-Soul) aos condutores da Uber com promoções especiais, o que lhe permitirá assumir-se como uma das principais marcas fornecedoras de viaturas para o sector do transporte de passageiros com recurso a aplicações.

As novas parcerias em matéria de mobilidade fazem parte da estratégia pioneira da Kia denominada “Plano S”, apresentada no início do ano, no âmbito da qual os modelos amigos do ambiente passarão a constituir 40% da totalidade das vendas da marca à escala mundial até ao final de 2030. De acordo com a calendarização do Plano S, a Kia deverá cumprir um objectivo de vendas anual global de 880.000 veículos eléctricos e de 1,6 milhões de veículos amigos do ambiente até ao final da década.

A Kia tem como objectivo de desenvolvimento a popularização dos BEV, factor central do “Plano S”, e prevê reforçar a gama de produtos à escala mundial com a introdução de 11 novos modelos deste tipo até 2026, sete dos quais serão concebidos com base na avançada Plataforma Global Modular Eléctrica (E-GMP). Estes novos modelos incluirão uma gama de veículos de passageiros, SUV e MPV, contemplando vários segmentos e incorporando a mais moderna tecnologia em autonomia e carregamentos rápidos.

A Uber está também a procurar reduzir drasticamente as emissões de carbono em toda a sua frota, planeando tornar-se uma plataforma isenta de emissões até 2030. A tecnológica do sector do transporte ambiciona operar mais de 100.000 BEV na sua plataforma europeia até 2025. No contexto desse objectivo, metade dos quilómetros percorridos pelos condutores da Uber em 2025 em sete grandes cidades europeias (Amsterdão, Berlim, Bruxelas, Lisboa, Londres, Madrid e Paris) sê-lo-ão em veículos de zero emissões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *