Tesla aumenta preço dos carregamento Supercharger

Depois de durante anos ter sido conhecida como a marca que permitia carregar os seus carros de borla, a Tesla não só acaba com isso como aumenta substancialmente o preço dos carregamentos nos postos Supercharger.

Tal como por cá pudemos desfrutar de anos de postos de carregamento rápido gratuitos que chegaram ao fim quando começaram a aumentar o número de veículos, também na Tesla se verifica uma situação idêntica. Uma coisa era quando a Tesla apenas vendia os Model S e Model X, modelos bastante dispendiosos e de baixo volume; outra coisa é ter que lidar com uma frota que se vai multiplicando por conta dos Model 3 de custo mais acessível.

Com o fim do programa de incentivos acabam-se os carregamentos gratuitos, e a par disso chegam aumentos substanciais de 33% nos carregamentos Supercharger. Na Europa, os preços aumentaram para os 0,28 a 0,32 euros por kWh, dependendo dos países, valor que os deixa acima da maioria dos postos de carregamento rápidos “não-Tesla”.

Não se sabe se isto poderá estar relacionado com o investimento na expansão da rede Supercharger, mas a Tesla continua a insistir que não está nos seus planos utilizar os postos de carregamento para ganhar dinheiro, dizendo que é um serviço que continuará a fornecer a “preço de custo”. Se assim é, será melhor explicarem porque motivo estes custos são maiores do que nos restantes postos, que esperam lucrar com isso.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *