Tesla apresenta Supercharger V3 de 250kW

Os novos postos de carregamento Supercharger 3 da Tesla podem fornecer 250kW e adicionar 120 km de autonomia a alguns dos seus carros em apenas 5 minutos.

Os prolongados tempos de carregamento são frequentemente apontados como um dos maiores problemas nos automóveis eléctricos, e a Tesla acaba de actualizar os seus Superchargers para poupar algum tempo aos seus clientes, e aproximar-se um pouco mais dos tempos de reabastecimento de combustível a que se está habituado nos automóveis com motores de combustão.

Os novos Supercharger V3 aumentam a potência máxima de carregamento para os 250kW, o que representa uma evolução significativa face aos 150kW (limitados a 120kW) da actual geração V2. Terão também outras melhorias, como um circuito de arrefecimento líquido, para garantir que todos os postos poderão fornecer a potência máxima mesmo quando estiverem a ser recarregados múltiplos veículos – coisa que nos postos V2 pode fazer com que a potência de carregamento seja reduzida. Ainda assim, a Tesla diz que irá lançar uma actualização que permitirá aos Supercharger V2 subir dos 120kW para os 145kW, aproximando-se da sua capacidade máxima efectiva.

Quanto aos postos V3, por agora apenas os Model 3 poderão ser carregados a 250kW, permitindo adicionar 120 km de autonomia em apenas 5 minutos; sendo que os Model S e Model X terão que aguardar pela actualização das suas baterias – mas também neste caso com a promessa de uma melhoria via software para os modelos actuais, provavelmente para permitir um carregamento a 145kW a coincidir com a actualização dos postos V2.

A Tesla vai também lançar uma actualização com uma funcionalidade “On-Route Battery Warmup”, que irá colocar as baterias à temperatura ideal para recarregamento quando o automóvel estiver a caminho de um posto Supercharger. Um pormenor que a Tesla diz que permitirá reduzir os tempos de carregamento em 25%.

Boas notícias para todos os possuidores de Teslas… pelo menos, até a Piëch demonstrar que o seu recarregamento de 5 minutos é real.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *