Tesla patenteia limpa-vidros electromagnético linear

A Tesla conseguiu a aprovação da patente que pode revelar o limpa pára-brisas do seu futuro Roadster.

Depois da patente de um limpa pára-brisas laser que, desde logo, parecia ser demasiado futurista para se tornar realidade a curto prazo, a Tesla conseguiu obter uma patente que continua a ser futurista mas tem muitas mais probabilidades de se tornar realidade no seu Roadster.

Em vez dos habituais braços e hastes de limpeza a desempenharem a sua função da forma rotativa habitual, a ideia da Tesla é recorrer a um único braço que pode varrer horizontalmente o pára-brisas, na sua totalidade, de um lado ao outro – usando um actuador electromagnético linear (como já tinha sido inicialmente apanhada em 2019).

Continua a ser um sistema bastante mais futurista que os sistemas convencionais existentes, que se têm mantido inalterados praticamente desde a origem dos automóveis, e que ficaria a calhar no futuro Roadster, que virá recheado de tecnologia e que, segundo Elon Musk, até terá a capacidade de pairar no ar quando equipado com a opção de “propulsão SpaceX”.

Se calhar, até ao seu lançamento, a Tesla ainda volta a mudar de ideias e decide aplicar um pouco dessa propulsão virada para o pára-brisas, permitindo limpá-lo unicamente com jatos de ar a de alta-pressão.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *