Telescópio comercial Twinkle vai para o espaço em 2024

O acesso ao espaço está a ficar facilitado, e em 2024 teremos o primeiro telescópio espacial comercial – o Twinkle – que irá focar-se na procura de exoplanetas.

Embora os astrónomos já tenham comprovado a existência de exoplanetas usando o Hubble e o Spitzer, estes eram telescópios espaciais que não foram especificamente concebidos para essa função, e por isso apresentando muitas limitações. Este novo telescópio espacial Twinkle de 50cm, não só custará uma fracção do que seria habitual (10%), mas conta com instrumentação pensada de raiz para a procura e exploração destes exoplanetas, incluindo a capacidade de determinar a sua atmosfera com muito maior precisão do que era possível até agora.

O telescópio providenciará serviço directo a dezenas de universidades, e se demonstrar ser bem sucedido, espera-se que seja apenas o primeiro de uma longa série de telescópios comerciais com capacidades cada vez mais avançadas, que complementem os ultra-dispendiosos telescópios espaciais a cargo das agências estatais – como tem acontecido com o James Webb.

Esperemos que seja bem sucedido, e que permita avançar o nosso conhecimento sobre este vasto universo no qual somos apenas um grão de poeira cósmica, que por vezes parece esquecer-se da sua insignificância ao dar valor a coisas sem valor, e ignorar as coisas a que deveria dar mais atenção.

Publicado originalmente no AadM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *